A intervenção grupal socioeducativa de tempo limitado

As intervenções de tempo limitado têm demonstrado uma tendência crescente de aplicação nos mais variados contextos. Na saúde pública, predominam grupos com função mais terapêutica. Na educação e nas organizações, prevalecem os psicoeducativos ou de desenvolvimento pessoal e/ou grupal. Atendem aos novos paradigmas de saúde, que buscam melhores condições de vida, utilizando todos os recursos materiais, culturais, sociais e psicológicos disponíveis. Neste capítulo, são apresentadas algumas diretrizes básicas para essa modalidade de atendimento, que visa aos benefícios máximos com o menor investimento, financeiro e psicológico.

Fleury, H. J. (2008) A intervenção grupal socioeducativa de tempo limitado. In M. M. Marra, & H. J. Fleury (Orgs.). Grupos: intervenção socioeducativa e método sociopsicodramático (pp. 179-192). São Paulo, SP: Ágora.

Categorias: capítulos.
Translation Priorities: Opcional.